Criando Imagem Multilanguage do Windows 10 usando MDT

Olá pessoal,

No primeiro post do ano vamos abordar um tema que gera bastante dúvidas quando estamos tratando de criação de imagens, e necessitamos adicionar Language Packs (LP) ao Windows durante o processo e depois capturar a imagem do Windows.

O processo é muito simples de ser executado mas antes precisamos saber alguns detalhes sobre esses LPs e onde os encontramos.

Onde encontrar e baixar Language Packs

Para cada versão do Windows 10 temos um Language Pack especifico… Isso mesmo que você leu. Vamos entender melhor como isso funciona, hoje temos o Windows as a Service e com atualizações e novas versões continuas 1511, 1607, 1703, 1709 e assim por diante, e para cada uma dessas versões teremos um respectivo Language Pack.

Os Language packs podem ser baixados a partir do Volume Licensing Service Center (VLSC) para clientes com licenciamento por volume, através do Visual Studio Subscription (antigo MSDN Subscription), ou do OEM Partner Center.

No cenário desse post vou utilizar o Visual Studio Subscription.

VSSub_Win10LP

Caso você não tenha acesso aos canais citamos acima o processo ainda pode ser feito, porém adicionando manualmente os idiomas necessários a partir do painel de controle.

Independente do Idioma e arquitetura selecionada para Download o arquivo baixado conterá todos os idiomas e as duas arquiteturas x64 e x86.

Importando Language Packs ao Deployment Share

Agora que já temos o LP da versão do Windows correta (Nesse post vamos usar Windows 10 Language Pack, Version 1709 (Updated Sept 2017)) vamos montar a imagem ISO e importar os arquivos .CAB dos respectivos idiomas ao qual queremos adicionar na imagem.

Como todos os arquivos dos Language Packs ficam na mesma pasta e o Import OS Packages do MDT não permite passar o arquivo diretamente a ser importado, é preciso definir o diretório onde os arquivos estão e a partir dai o MDT faz a importação para o nó Packages. Para contornar esse cenário vamos criar diretórios separados para cada idioma ao qual queremos importar para o Deployment Share.

Crie uma pasta chamada LanguagePacks em C:\ e crie subpastas formando a seguinte estrutura descrita abaixo.

EstruturaPastasLP

Copie os arquivos Microsoft-Windows-Client-Language-Pack_x64_es-mx.cab e Microsoft-Windows-Client-Language-Pack_x64_es-us.cab, para as respectivas pastas que criamos com o nome do idioma, repita esse procedimento para os arquivos na arquitetura x86.

A partir do Deployment Share usado para criação das imagens de referência, Clique com botão direito do mouse em Packages selecione New Folder no New Folder Wizard em Name digite Windows 10 x64 LP v1709, esse passo é recomendado para organização do Deployment Share, bem como facilitar a criação do Selection Profile que vamos usar para adicionar os Language Packs importados a Task Sequence.

NoPackages

Selecione a pasta Windows 10 x64 LP v1709, Clique com botão direito do mouse e selecione Import OS Packages. 

Na janela Specify Directory em Packages Source Directory clique em browse e selecione o caminho ao qual colocamos os arquivos .CAB em “C:\LanguagePacks\Windows 10 v1709\x64”.

ImportOSPackages

Criando Selection Profile para Language Packs

Expanda Advanced Configurations e selecione Selection Profiles, botão direito e selecione New Selection Profile  defina os seguintes parâmetros:

I. Selection Profile Name: Windows 10 x64 v1709

II. Em Folders Selecione a pastas Windows 10 x64 v1709 em Packages

NewSelectionProfile

Modificando Task Sequence para aplicar os Laguage Packs

Antes de iniciar a modificação da Task Sequence para poder injetar os Language Packs na imagem precisamos obter o GUIDs de cada Language Pack importando para o Deployment Share.

Para isso precisamos acessar o nó Packages e seleciona a pasta Windows 10 x64 LP v1709, dê um duplo clique sobre o Language Pack e copie o Package GUID.

packageguid

Repita os passos acima para os demais Language Packs existentes.

Selecione a Task Sequence usada para instalar e capturar a imagem do Windows 10 x64 v1709, Clique com botão direito e selecione Properties e depois clique Aba Task Sequence.

I. Expanda o Grupo PreInstall e Adicione a ação de Task Sequence Set Task Sequence Variable

   I.I. Name: Set LP en_US

   I.II. Task Sequence Variable: LanguagePacks001

   I.III. Value: {Package GUID}

II. Repita os passos acima para adicionar as demais Variáveis de Task Sequence para cada Language Pack adicional.

SetLP

III. Em Apply Patches em Selection Profiles selecione o Windows 10 x64 v1709 (Obs: Caso tenha Pacotes de atualização offline sendo aplicados na Task Sequence, recomendo criar uma nova ação de TS do Tipo Install Updates Offline  para os Language Packs).

SetLP2

VI. Clique em OK e Apply.

Verificando se os Language Packs foram aplicados

O primeiro local onde podemos visualizar se as configurações feitas na Task Sequence estão corretas e sendo aplicadas durante o processo de Deployment são os Logs do MDT, é possível visualizar a partir do BDD.log que as entradas referentes aos Language Packs foram adicionadas ao arquivo de resposta Unattend.xml.

AddLP_Log

Uma outra forma é executar uma consulta WMI usando Powershell a partir do Windows executando e obter a lista de MUILanguages disponíveis.

Get-MUILanguages

Após todos esses processos teremos em nosso ambiente imagens multilanguages, em um outro post vou mostrar como instalar o Windows em diferentes idiomas usando a mesma Task Sequence, baseado na localidade.

Ótimo Deployment.

Eduardo Sena é Microsoft MVP Windows and Devices for IT, especialista em Windows Deployment Solutions em ambientes corporativos, sempre envolvido em ações na comunidade, comunnity leader no WSG – Window Study Group e Quintas da TI, Eduardo é conhecido por sua especialização com ferramentas para deployment como MDT, ADK, WDS e USMT.

%d blogueiros gostam disto: